Site com dicas de viagens.

Veneza: Aventuras Engraçadas e Romanceadas (2)

Avalie esta postagem

_DSC6044Como já disse no primeiro texto sobre Veneza (“Aventuras Engraçadas e Romanceadas,1“), estive por lá quatro vezes. Espero ir ainda mais vezes, porque vale a pena…

Aqui vou contar um pouco sobre a minha última ida por lá, que fez parte de uma grande viagem comemorativa do niver de meu husband. 

Viagem essa em que tomamos whisky “nacional” na Escócia (Edinburgh), demos um “rolé” por Londres e de lá pegamos o luxuoso trem Orient-Express que nos deixou em Veneza. De Veneza ainda fomos a Roma… Mas aí já é outra história…

Uma Veneza “escaldante” (Che caldo!)

Em agosto de 2011, fizemos nossa “viagem dos sonhos” no famoso trem Orient-Express. Saímos de Londres para Veneza (ver os três textos em “Roteiros Temáticos” (De Trem).
Em Veneza, a lancha que nos levaria ao hotel reservada pelo lendário trem, já nos esperava. Ficamos num hotel super legal, o Londra Palace, indicado pelo próprio Orient-Express.
_DSC5929

A Chegada em Veneza e a lancha nos esperando..

Dessa vez não precisamos procurar o hotel, porque além de estar numa localização super fácil, a lancha nos deixou na porta… Tínhamos menos de dois dias pra passar por lá. Dessa vez, Veneza não era o objetivo principal da viagem e sim uma consequência por ser o ponto final do Trem.
_DSC6111

Na frente do hotel (Londra Palace)… Ótima localização, ótimo hotel e vista fantástica!

Chegamos e fomos dar uma volta pela nossa antiga conhecida Piazza San Marco. Num calor infernal, resolvemos voltar pro hotel e esperar o sol amenizar pra podermos sair de novo. A Itália no verão é uma “mulesta” como dizem os nordestinos. Que diabo era aquilo? Mas, depois com o sol mais frio, conseguimos sentir de novo a emoção de estar naquela bela cidade!
_DSC5985

Na Piazza San Marco

Fomos atrás de um restaurante sobre o qual eu havia lido, o VinoVino. Adoro livros de romances, ainda mais que tenham a ver com viagens. Assim, no livro “Mil Dias em Veneza” (de Marlena de Blasi) encontrei algumas dicas legais!

Atravessamos toda a Piazza San Marco… Nessa travessia, fomos curtindo todo aquele clima lá existente, monumentos, músicas, etc. Seguindo o “mapa”, encontramos o restaurante. Comi um belo peixe e ficamos a andar um pouco mais pela cidade…

IMG_3498

O peixe do VinoVino

No dia seguinte, após irmos aos lugares que queríamos retornar, resolvemos “nos perder” pela cidade, andando a esmo… Foi muito bom! Dessa vez, andamos de ponta a ponta, de lado a lado!

Acho que a vantagem de se voltar a uma determinada cidade é poder desfrutar dela com mas tranquilidade, sem a “obrigação” de ver ou ir nos pontos turísticos… Aí se pode curtir melhor…

_DSC6017

Andando por Veneza…

IMG_3561

Só curtindo…

Pertinho da Ponde Rialto, passamos pelo mercado…
Olha que pimentas!

Olha que pimentas!

IMG_3553

E os peixes…

E ainda encontramos Hemingway por lá! hehehe

E ainda encontramos Hemingway por lá! hehehe

Aproveitamos e fomos na Cantina du Mori, que tentamos ir da vez anterior e não a encontramos…  Dessa vez procuramos direitinho e ali estava ela! Legal!
Escondidinha, mas se acha!

Escondidinha, mas se acha!

IMG_3534

Santiago, na Cantina du Mori, com um dos donos (?)…

Os petiscos!

Os petiscos!

Ah, tentamos voltar no Harry’s Bar pra tomar nosso bellini, mas lá não se podia entrar de bermuda. Num calor daqueles e durante o dia é coisa de quê? Não de italiano, porque fomos noutros bares sem essa “frescura” (ou seria “calorcura”?).

Na França, quando fizemos um pedal por lá, fomos em restaurantes” finérrimos”, ultra-chiques, e vestidos informalmente. Até em Londres, fomos vestidos com a famosa dupla “jeans & camiseta” num restaurante luxuosíssimo… Enfim, mas sei que tem uns com essas “regras” e até acho normal. Eu mesma já me submeti (e me submeto, dependendo do caso, do tempo, da hora…) à essas regras, mas deveriam estar claras no site, na porta, whatever… O calor infernal voltou a aparecer lá pelas duas da tarde, e resolvemos ir pro ar condicionado do bar-restaurante do nosso hotel, que além de tudo tinha uma vista magnífica.

Voltando do passeio... Um calor danado e turistas refrescando-se na beira do Canal...

Voltando do passeio… Um calor danado e turistas refrescando-se na beira do Canal…

E, então, tomamos um bellini no nosso hotel

E, então, tomamos um bellini no nosso hotel

A vista do restaurante do nosso hotel...

A vista do restaurante do nosso hotel…

E, depois de um bom banho, uma comidinha, uma cervejinha e um bom descanso, voltamos às ruas…
No bar do nosso hotel. Depois de um bom banho, uma cerveja geladinha!

No bar do nosso hotel. Depois de um bom banho, uma cerveja geladinha!

Delícia para compensar o calor!

Delícia para compensar o calor!

IMG_3636 (1)

De volta às ruas de Veneza!

Admirando as vitrines (Salvatore Ferragamo, Chanel,  Versace, Valentino...

Admirando as vitrines (Salvatore Ferragamo, Chanel, Versace, Valentino…

À noite decidimos jantar no Antico Martini, irmão rico do VinoVino, pois fazem parte da mesma empresa dividindo até a cozinha! Só que o VinoVino é mais simples (ver mais detalhes aqui no blog nas “Dicas de Veneza“). Simples, mas muito agradável, e segundo o que li, é um local onde se encontram venezianos (de todas as classes sociais) e turistas.

No Antico Martine, do lado de fora. Um charme (mas, no calor é impossível ficar aí...)

No Antico Martine, do lado de fora. Um charme (mas, no calor é impossível ficar aí…)

...então, ficamos aí nessa terraça do Antico Martine (também legal,  dá pra curtir  o vai-e-vem das pessoas na praça).

…então, ficamos aí nessa terraça do Antico Martine (também legal, dá pra curtir o vai-e-vem das pessoas na praça).

O recepcionista, um senhor super simpático, havia nos convencido na véspera, e de maneira muito agradável, a voltar por lá e experimentar o outro restaurante do “Grupo”. Tínhamos visto um restaurante diferente, com estrela Michelin. Só que esse tal, exigia roupa “formal” (tava dito no site). Mas, num calor daqueles, o diabo era quem ia sair de “beca”! Assim, jantamos no Antico e foi ótimo!

Um restaurante excelente, mas só se podia entrar em trajes "de gala" hehehe!!

Um restaurante excelente, mas só se podia entrar em trajes “de gala” hehehe!

Bom, finalmente quero dizer que além do calor tem muuuuita gente em Veneza no verão. Muito bom, Veneza sempre é bela, mas eu prefiro ir em outras estações do ano, I Think so!
Bares lotados!

Bares lotados!

E muita gente nas ruas...

E muita gente nas ruas…

E, pra terminar essa história, no dia seguinte e de forma impecável chegou nossa lancha-táxi (reservada pelo Orient-Express). Arrivederci Venezia!

IMG_3692

Tchau!

para dicas de Veneza clique aqui.
Avalie esta postagem


Engenheira por formação, fez doutorado em Madrid onde começou sua paixão pela Europa. Aprendeu, com seus pais, desde criança a gostar de viajar. Adora viajar e diz que "sem viajar não me reconheço"! Escreve sobre suas viagens pelo mundo afora de forma divertida e leve. Escritora por hobby, além desse blog tem dois livros de viagens publicados.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carregando...
%d blogueiros gostam disto: