Site com dicas de viagens.

Você já foi à Carmelo?

Avalie esta postagem

securedownload (6)Localizada na beira do Rio de la Plata, dizem que Carmelo é uma das cidades mais interessantes do departamento de Colonia, no Uruguay. Acho que deve ser bem interessante no verão. 

No inverno achei um tanto paradinha, e o centro histórico sem o charme de Colônia, muito normal pro meu gosto. Não vi beleza diferenciada nas suas ruas e nem nas suas praças. Fora sua ponte giratória e seus arredores… Quem sabe no verão eu tenha outra impressão? Entretanto, a beleza dos campos já é outra coisa… Gostei!

Ademais, o Hotel Four Seasons criou um super ambiente, digno de se ficar por lá alguns dias, mesmo no inverno! Eu provei e aprovei!

Bom, você pode chegar lá desde Montevidéu por terra (250 km), passando antes pela charmosa e antiga cidade de Colonia del Sacramento, ou pode pegar um ferry boat desde Buenos Aires e chegar em 1 hora.

E, como dizem que Carmelo é um local simples e sofisticado ao mesmo tempo, acredito que no verão, quando as praias estejam cheias e os iates ancorados no porto, a cidade, que oferece vinhos e comida requintada passará a ficar mais viva!

O que fazer

Você pode imitar os moradores e sair passeando de bicicleta. No meio do passeio pode ver carros Ford Model Ts. Caminhar pelas ruas de paralelepípedos da cidadezinha leva a algumas casas históricas e a um arroio sinuoso. Não recomendo muito, pois acho mais legal passear de bicicleta pelos bosques nos arredores do Four Seasons. Mas, se tem tempo sobrando vá em frente!

Pode ir às praias à beira do rio e ver colinas verdes no verão. Ainda pode ir visitar as vinícolas como a Los Cerros de San Juan, a mais antiga do país, e a Irurtia, e ainda a finca Narbona (também produtora de derivados de leite, além de vinhos) onde você pode jantar ou almoçar em suas cavas… Muitas vezes os próprios vinicultores acompanham os passeios pela bodega e as famílias proprietárias estão sempre prontas para explicar “por que a uva Tannat cresce tão bem por lá”.

Finca Narbona

Finca Narbona

Passear de barco, de veleiro, cavalgar, curtir seus restaurantes, enfim…. E, além de tudo, ainda visitar a charmosa cidadezinha vizinha Colônia do Sacramento,  tombada pela UNESCO …

Dentro da cidade de Carmelo, uma das principais atrações turísticas (não espere muita coisa!) é a a Praça da Independência, aonde está a casa de Ignacio Barrios, que hoje é uma Casa da Cultura e o Templo Novo (uma igrejinha mais moderna). Na outra praça, a mais antiga e mais bonitinha, a “Artigas”, está a igreja mais velha e o Museu Paroquial del Carmen. Porém, o mais conhecido nessa cidade é a ponte giratória sobre o arroio Las Vacas, uma obra da engenharia moderna que permite a passagem de grandes embarcações.

Ponte Giratória (fonte)

Ponte Giratória (fonte)

Junto à ponte encontra-se também a orla marítima De los Constituyentes e o Carmelo Rowling Club, e depois um caminho arborizado leva ao ancoradouro de iates (o Yacht Club Carmelo), a boca do arroio e a praia Seré, um dos lugares ditos mais bonitos da cidade.

Atracadero de Carmelo (fonte)

Iates em Carmelo (fonte)

Mas, repito, a grande  “pedida” é se hospedar no hotel Four Seasons
Avalie esta postagem


Engenheira por formação, fez doutorado em Madrid onde começou sua paixão pela Europa. Aprendeu, com seus pais, desde criança a gostar de viajar. Adora viajar e diz que "sem viajar não me reconheço"! Escreve sobre suas viagens pelo mundo afora de forma divertida e leve. Escritora por hobby, além desse blog tem dois livros de viagens publicados.

Comentário para Você já foi à Carmelo?

  • ano passado fui pela primeira vez ao Uruguai e ficamos hospedados em Montevideo mas fizemos passeio para Colonia e Punta,Ainda não tinha ouvido falar de Carmelo.Meu marido está com vontade de voltar a Punta del Este e vou convencê-lo a passar uns dias em Carmelo.Adorei !

    Lilian Azevedo 1 de maio de 2014 13:45 Responder
    • Legal!

      Ana Célia 4 de maio de 2014 17:42 Responder
    • Lilian, pelo que vi “in loco” adorei o hotel, mas Carmelo mesmo (a cidade) acho que só valeria a pena no verão (talvez) pois no inverno, como falei no novo post (e na revisão que fiz nesse aqui) achei um tanto “sem graça”. Entretanto, Colonia do Sacramento vale super a pena, é linda e tem mil restaurantes e bistrôs gracinhas. O que vale mesmo em Carmelo, fora o Four Seasons (com seus passeios pelos arredores e a gastronomia) são as vinícolas por perto! E a região em volta, que é muito bonita mesmo!bj

      Ana Célia 24 de junho de 2014 11:59 Responder
  • Fiquei encantada com esse roteiro, me passe as datas e custos que vcs vão ter, estou muito interessada…

    Lenize 7 de maio de 2014 21:29 Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carregando...
%d blogueiros gostam disto: